O Templo Expiatori del Sagrat Cor - Catalonia | Crédito: Shutterstock

Espanha

Status do país: aberto com restrições. É necessário ter sido completamente vacinado contra a COVID-19 para ingressar.

Vacina(s) exigida(s): os passageiros devem apresentar na fronteira o comprovante de vacinação pela Pfizer, Moderna, AstraZeneca, Janssen, Coronavac e Sinopharm.

Documentos obrigatórios: passaporte com validade mínima de seis meses e seguro-viagem com cobertura mínima de 30 mil euros. Brasileiros não necessitam de visto para estadas a turismo de até 90 dias. A partir do final de 2022, será necessário obter autorização de viagem ETIAS (permanência máxima permitida de 90 dias) para ingressar no destino.

Exigências de entrada durante a pandemia: brasileiros podem entrar no país, desde que tenham em mãos o certificado de vacinação comprovando que foram 100% imunizados pelo menos 14 dias antes da viagem, com uma das vacinas aceitas pela Espanha. Não há a necessidade de realizar a quarentena após o desembarque.

Para aqueles que não estiverem vacinados e precisarem viajar por situação emergencial, deverão apresentar o teste RT-PCR negativo feito até 72h antes do desembarque ou teste de antígeno realizado com até 48h de antecedência. Também podem apresentar o certificado de recuperação, com o máximo de 180 dias a partir da data da comprovação de infecção pela doença.

Entre os grupos de exceção, que poderão entrar sem estarem completamente vacinados, estão: filhos de cidadãos espanhóis menores de 21 anos e não vacinados – mediante comprovação de vínculo familiar; cônjuges (ou parceiros com uniões estáveis) de cidadãos espanhóis ou nacionais da Europa; trabalhadores e profissionais que não possam realizar suas funções à distância, incluindo atletas que participarão de eventos esportivos no país; estudantes que irão para a Espanha ou para algum país da União Europeia ou Estado Schengen, com devida autorização e visto de longa duração, desde que ingressem no país no máximo 15 dias antes do início do período letivo ou durante ele; e pessoas que viajam por motivos de força maior comprovada.

Todos os certificados e comprovantes deverão estar em espanhol, inglês, francês ou alemão.

Todos os passageiros deverão preencher obrigatoriamente o formulário Spain Travel Health, disponível para download por meio do site ou nas lojas de aplicativo iOS e Android. Os viajantes também estarão sujeitos a uma avaliação de saúde no momento do desembarque, que incluirá medição de temperatura, verificação de documentos e do seu estado aparente. Pode ser feito também um teste de antígeno e qualquer pessoa pode ser proibida de ingressar no país caso exista a suspeita de colocar a saúde pública em risco.

Mais informações sobre a Espanha aqui e aqui.

Todas as informações podem sofrer alterações sem aviso prévio.

Laboratórios para realização de teste RT-PCR

Barcelona

Laboratório: Centro Médico MAPFRE.
Endereço: Calle muntaner, 40.
Telefone: 33936344141.
Preço aproximado: € 110.
Tempo médio do resultado: 48 horas.
Necessário agendamento: sim, online.
Site: saludsavia.com/servicio/pcr-covid-19_pb-60455_centro-medico-mapfre-barcelona
Documentação necessária: passaporte.

Laboratório: Eurofins – Megalab Laboratório Sarro.
Endereço: Rambla de Catalunya, 120.
Telefone: 33932187091.
Preço aproximado: € 110.
Tempo médio do resultado: 6 a 36 horas.
Necessário agendamento: sim, online.
Site: saludsavia.com/servicio/pcr-covid-19_pb-60509_eurofins-megalab-laboratorio-sarro
Documentação necessária: passaporte.


Laboratório: HM delfos.
Endereço: Avinguda Vallcarca, 151 08023 – Barcelona.
Telefone: 900102792.
Preço aproximado: € 110.
Tempo médio do resultado: 48 horas.
Necessário agendamento: não.
Site: hmhospitales.com/servicios-al-paciente/informacion-de-interes/laboratorio-analisis-clinicos/pruebas-deteccion-covid
Documentação necessária: passaporte.

Laboratório: Vidaria.
Endereço: Via Augusta, 237 – 08021.
Telefone: 33933624035.
Preço aproximado: € 125.
Tempo médio do resultado: 24 a 48 horas.
Necessário agendamento: sim, online.
Site: vidaria.es/test-diagnostico-rapido-coronavirus-barcelona/
Documentação necessária: passaporte.

Madrid

Laboratório: Centro medico Pinar.
Endereço: Avda. de San Luis 164 / 166.
Telefone: 33 626 31 02 42.
Preço aproximado: € 150.
Tempo médio do resultado: 24 a 36 horas.
Necessário agendamento: sim.
E-mail: centromedicopinar.es/prueba-covid-19/
Documentação necessária: passaporte.

Laboratório: Echevarne Villanueva.
Endereço: Calle Villanueva, 9.
Telefone: 33900909110.
Preço aproximado: € 110.
Tempo médio do resultado: 24 a 48 horas.
Necessário agendamento: não.
E-mail: saludsavia.com/servicio/pcr-covid-19_pb-71804_echevarne-villanueva
Documentação necessária: passaporte.


Laboratório: Eurofins – Megalab Afonso XII.
Endereço: Calle Afonso XII numero 42.
Telefone: 33914296287.
Preço aproximado: € 110.
Tempo médio do resultado: 6 a 36 horas.
Necessário agendamento: sim.
E-mail: saludsavia.com/servicio/pcr-covid-19_pb-60548_eurofins-megalab-alfonso-xii
Documentação necessária: passaporte.

Laboratório: HM Madrid.
Endereço: Pza. Conde Valle Suchil, 16 28015.
Telefone: 900102792.
Preço aproximado: € 110.
Tempo médio do resultado: 48 horas.
Necessário agendamento: não.
E-mail: hmhospitales.com/servicios-al-paciente/informacion-de-interes/laboratorio-analisis-clinicos/pruebas-deteccion-covid
Documentação necessária: passaporte.


Laboratório: HM nuevo Belen.
Endereço: Calle José Silva, 7, 28043.
Telefone: 900102792.
Preço aproximado: € 110.
Tempo médio do resultado: 48 horas.
Necessário agendamento: não.
E-mail: hmhospitales.com/servicios-al-paciente/informacion-de-interes/laboratorio-analisis-clinicos/pruebas-deteccion-covid
Documentação necessária: passaporte.

21 comentários para “Espanha

  1. Olá. Portugal não está exigindo vacina. Tenho 2 pax indo para Lisboa com escala em Madrid. Eles não estão completamente vacinados. Eles teriam algum problema nesta escala?

    1. Bom dia, Rodrigo!

      Olha só, de acordo com o site da Embaixada da Espanha, o trânsito para outro país que faz parte do Tratado de Schengen (caso de Portugal) só está liberado para viajantes vacinados ou para pessoas que se enquadrem em algumas das categorias de exceção. Se quiser dar uma olhadinha nessas informações, é só clicar aqui: http://www.exteriores.gob.es/Embajadas/BRASILIA/pt/Noticias/Pages/Articulos/20210823_NOT1.aspx.

      Além disso, não se esqueça que, mesmo para o trânsito, é preciso preencher este formulário: https://www.spth.gob.es/.

      Se ainda assim você tiver alguma dúvida, nossa recomendação é que entre em contato com o Consulado/Embaixada, viu? Isso porque as informações mudam bastante e com bastante frequência. Aqui vão os dados do Consulado Geral da Espanha em São Paulo pra ajudar: cog.saopaulo@maec.es/(11) 3087-2600.

  2. Bom dia!! Tenho passageiros que vão ficar uns dia na França e da Françã vão para Madri/Espanha, é necessario fazer o teste RT-PCR em Paris para conseguirem entrar na Espanha?
    Eles estão totalmente vacinados.

    1. Zulma, boa tarde!

      Como os seus passageiros já estão 100% vacinados, eles não precisam fornecer nenhum teste para entrar na Espanha. No entanto, existe a possibilidade de que sejam submetidos à realização de um teste (principalmente de antígeno) no momento do desembarque no país, se as autoridades de saúde espanholas assim solicitarem.

      Essas informações, caso queira dar uma olhadinha, estão disponíveis em português neste link: http://www.exteriores.gob.es/Embajadas/BRASILIA/pt/Noticias/Pages/Articulos/20210823_NOT1.aspx.

    1. Oi, Manoela!

      Você se refere à reabertura do país para viajantes vacinados? Se for isso mesmo, sim! Nós atualizamos as informações que constam nesta página no dia 24/08, um dia após o seu comentário.

      Inclusive, peço desculpas pela demora em respondê-la. O volume de comentários tem sido bem grande, e temos que pesquisar bastante antes de responder às dúvidas que aparecem aqui 🙂

  3. Pessoal, temos um casal de clientes que atendem os requisitos para entrada na Itália, mas precisam fazer uma escala na Espanha, eles podem entrar na Espanha em transito?

  4. Ola bom dia
    estou com um passageiro que vai para zurich com conexão em madri, ele tera algum problema com essa conexão?

    muito obrigado

    1. Boa tarde, Bruno!

      O trânsito na Espanha está permitido para brasileiros. Porém, como o destino final (Zurique/Suíça) faz parte da lista de destinos que integram o Tratado de Schengen, o trânsito só é permitido aos viajantes vacinados ou às pessoas que se enquadrem nas categorias descritas no texto acima.

      Se quiser confirmar essas informações, elas foram retiradas deste link: http://www.exteriores.gob.es/Embajadas/BRASILIA/pt/Noticias/Pages/Articulos/20210823_NOT1.aspx.

    1. Infelizmente não, Ronaldo. As viagens a turismo na Espanha ainda estão vetadas para brasileiros. Por ora, só podem entrar no país as pessoas que se enquadram nas exigências que mencionamos no texto acima. Se quiser conferir mais informações, há várias delas disponíveis aqui: https://travelsafe.spain.info/pt-pt/. É só clicar sobre o Brasil no mapa que uma telinha com todas as exigências será aberta 😉

    1. Luciana, mil desculpas pela demora em te responder. Demorei tanto que a Espanha já até reabriu, como você pode ver nas infos que constam nesta página 🙂

      O trânsito no país também está liberado. Porém, se o destino final for um país que também faça parte do Tratado de Schengen (caso da França), o trânsito só é permitido aos viajantes vacinados ou às pessoas que se enquadrem nas categorias descritas no texto acima.

      Se quiser confirmar essas informações, elas foram retiradas deste link: http://www.exteriores.gob.es/Embajadas/BRASILIA/pt/Noticias/Pages/Articulos/20210823_NOT1.aspx.

    1. Oi, Fernanda!

      Sim, como você deve ter visto no site da IATA, a entrada na Espanha está liberada para uma série de países, como Andorra, Áustria, Bélgica, Canadá, Croácia e Reino Unido, só pra citar alguns. Brasileiros até podem entrar no país, mas somente se se encaixarem em uma das seguintes categorias: sejam cônjuges de cidadãos espanhóis ou tenham união estável inscrita em um registro público; residam no país; tenham visto de longa duração; ou tenham como comprovar com documentos que o motivo da viagem é de necessidade ou de força maior, por exemplo. Ou seja: viagens a turismo continuam proibidas.

  5. Prezados, boa tarde!

    Uma cidadã brasileira, com cidadania espanhola e vinculo de trabalho em Madri, casada no Brasil (com certidão em tramite de validação na espanha), teve um filho nascido na Espanha, e gostaria de receber a visita de sua Mãe, irmã e sogra.
    As 3 (mãe, irmã e sogra) são consideradas familiares e, nessa condição, estão aptas a entrar na Espanha?

    1. Rosana, neste momento a entrada na Espanha está bem restrita, infelizmente. Basicamente só podem entrar cônjuges de cidadãos espanhóis ou com união estável, residentes, pessoas com visto de trabalho ou estudo ou pessoas que precisem viajar por motivos de força maior e que tenham como comprovar isso por meio de documentos.

      Sendo assim, pelo menos por ora, a mãe, a irmã e a sogra da pessoa que você mencionou não podem entrar 🙁

  6. Boa tarde! Tenho um passageiro que já tem uma carta para um teste num clube Espanhol São Roque de Lep. O aeroporto mais próximo é o de Sevilha. Sabem se tem algum país que possa funcionar como o México (para USA), ou seja, local para quarentena e entrada imediata? Já até falei com o oficial de imigração do consulado da Espanha, mas ele não quis se comprometer com está informação…

    1. Oi, Jo! Estou tentando confirmar essa informação pra você. Te retorno assim que tiver uma resposta concreta, OK?

    2. Jo, olha só. Fui consultar nossa equipe que cuida especificamente de Europa para te ajudar. O que eles me disseram foi que, como este não é um caso de um passageiro em viagem a turismo, fica difícil de dizer o que fazer neste caso. O mais indicado é, de fato, buscar a informação no Consulado e saber quais são os documentos, testes e eventuais certificados exigidos para entrar no país saindo do Brasil, já que, no momento, salvo poucas exceções, a entrada de pessoas que chegam diretamente do Brasil está vetada.

      Ao contrário dos Estados Unidos, por exemplo, que permitem que a quarentena seja feita em outro destino, na Europa a quarentena, na maioria das vezes, deve ser feita no próprio país. O mais usual é que o passageiro se isole em um hotel por um período que varia de 10 a 14 dias e que só seja liberado do isolamento após a realização de um novo teste PCR com resultado negativo. Porém, cada país tem suas próprias regras. Portanto, a fim de entender todas as regras adotadas pela Espanha para casos como a desse passageiro, o Consulado continua sendo a melhor fonte de todas.

      Esses são os sites que nós usamos para acompanhar a atualização das informações:

      https://www.mscbs.gob.es/en/profesionales/saludPublica/ccayes/alertasActual/nCov/spth.htm

      https://www.spth.gob.es/

      https://reopen.europa.eu/pt/map/ESP/7002

      https://www.iatatravelcentre.com/world.php

      Se quiser, fique mais do que à vontade para consultá-los também. Peço desculpas por não poder ajudar mais do que isso 🙁

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *